Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, maio 21, 2009

Você já comeu tatu e usou óleo de baleia?


Uma geração atrás, isso seria comum. Hoje, isso é impensável. Daqui a uma geração, talvez comer porco seja impensável... O mundo anda rápido mas nossas mentes mudam lentamente. Mas... lembrando um dos melhores slogans de todos os tempos (injustamente retirado do ar por motivos de mercado):

Para que adianta banda larga se a mente é estreita?


Manifestantes acreditam que prática traria resistência ao vírus.
Protesto ocorreu em Manila, capital das Filipinas.

2 comentários:

Miguel disse...

Kinouchi, uma geração nesse caso equivale a quantos anos? 20, 40 ou 60? Pelo que me lembro (tenho 47 aninhos), comer carne de tatu nunca foi TÃO comum em minha região (tão interior paulista quanto Ribeirão). Sei que quando havia mais mata do que gente por essas bandas, isso poderia até ser comum. Mas isso é coisa de uns 50 anos NO MÍNIMO! Quanto ao óleo de baleia, me parece que sempre foi muito mais familiar aos nipônicos, esquimós, escandinavos etc.

Osame Kinouchi disse...

OK, Miguel, depende da regiao. Minha ex-mulher era da regiao de Peruibe e contava que no sul de Sao Paulo era comum comer tatu na geracao dos pais dela (ou mesmo de seus irmaos mais velhos).