Ocorreu um erro neste gadget

domingo, outubro 18, 2009

Sobre a relação entre jornalistas e cientistas

Eu não tinha percebido ainda, mas acho que a USP Ribeirão está com uma página nova na internet, bem legalzinha. Ver aqui.

Dali tirei esta notícia auto-referencial. Vou fazer alguns comentários, e me desculpe a jornalista Rose por isso, mas o tema tem a ver com a relação entre jornalistas e cientistas discutido no II EWCLiPo e por que os cientistas ficam meio ressabiados ao darem entrevistas (uma coisa que o Curió me perguntou também na entrevista da TV Tathi de sexta-feira).

Anel de Blogs Científicos cresce mil % em pouco mais de um ano
[OK, OK, as pessoas gostam de manchetes impressionantes... mas... dado que o portal não existia há dois anos, ou seja, tinha zero blogs, poderiamos dizer que ele cresceu infinito% em menos de dois anos.... É mais impressionante ainda, e matematicamente verdadeiro!]
Criado no ano passado pelo Departamento de Física e Matemática da Faculdade de Filosofia (FFCLRP), o Portal reúne hoje os principais blogs de ciência do País no endereço http://dfm.ffclrp.usp.br/ldc
[Acho que o portal foi criado NO DFM, não PELO DFM... a criação do portal não é responsabilidade ou passou pelo conselho do Departamento]

13/10/2009
-

No início, em março do ano passado, eram 25. Hoje são mais de 250 os blogs de ciências naturais, sociais e humanidades, organizados por categorias e cadastrados no Anel de Blogs Científicos, criado pelo Laboratório de Divulgação Científica e Cientometria (LDCC) do Departamento de Física e Matemática da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras (FFCLRP). O professor Osame Kinouchi Filho, um dos coordenadores do projeto [acho que sou o único professor-coordenador do projeto, a informação de que Monica Campiteli é a outra coordenadora do projeto, dada no USP Ribeirão, não procede], acredita que os principais blogs científicos de qualidade encontram-se no portal.

O Anel interliga interessados em divulgar ciência por meio de blogs e tem como objetivo também mapear toda a blogosfera científica de países de língua portuguesa e, ainda, ser uma porta de entrada para os leitores. Os próximos passos serão coletar informações estatísticas sobre esses blogs, para estabelecer o crescimento do número de blogs nesta categoria, ao longo do tempo, a distribuição geográfica, o tempo de vida, e estudar o impacto do twitter na dinâmica dos blogs.

Para o professor Kinouchi, é gratificante o nascimento de blogs de qualidade e com informações idôneas, o que dá maior visibilidade para esse tipo de mídia. “Esse é um meio de comunicação simples, direto e que oferece debate para o público”, comemora. [Não me lembro de ter declarado isso, mas... OK, eu poderia ter dito isso, acho que é uma parafrase do que falei na entrevista, então a jornalista não está errada. Mas que todo cientista sente arrepios ao ser "parafraseado" explica a relutância em dar entrevistas].

Apesar do ataque de hackers no servidor, o portal está funcionando normalmente e novos blogs são adicionados diariamente. Para participar do portal, é preciso solicitar o cadastramento do blog no endereço http://dfm.ffclrp.usp.br/ldc e colocar um link para o ABC na barra lateral [do seu blog]. Outra possibilidade é indicar um blog de ciência, enviando mensagem para o e-mail: lucashyp/@gmail.com. [lucashyp@gmail.com, sem o / que inviabiliza a comunicação para o lucas!]

O projeto tem apoio financeiro do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e é gerenciado atualmente pelos estudantes de iniciação científica Gustavo Miranda Forte e Lucas Hypólito.

Encontros de blogueiros

O sucesso da rede de blogueiros fez com que os coordenadores organizassem no ano passado o I Encontro de Weblogs Científicos em Língua Portuguesa (EWCLiPo), em Ribeirão Preto. Este ano já aconteceu o segundo encontro, organizado pelo professor Mauro Rebelo, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), quando foi discutida a relação entre blogueiros de ciência e jornalistas científicos. [Poderiam ter dado o link da UFRJ para a página do II EWCLiPo aqui]

Um dos aspectos abordados foi a questão dos jornalistas científicos não citarem como fontes os blogs e não colocarem links externos em seus textos [por exemplo, esta reportagem no site da USP poderia linkar para o portal em vez de escrever o comprido e não memorizável endereço de internet do mesmo!]. Segundo o professor Kinouchi, nesse aspecto, a revista Ciência Hoje sai na frente, pois já se comprometeu em citar blogs, inclusive com links de fontes originais de consultas.

Neste evento, segundo o professor, a neurocientista Suzana Herculano-Houzel, da UFRJ, falou da importância da divulgação científica pelo próprio cientista. Segundo ela, um blog pode ser o início de um livro, a exemplo do jornalista do G1 [ex-G1, agora na Folha de São Paulo], Reinaldo José Lopes, que deve lançar em breve obra com suas reportagens do site [na verdade um blog que era hospedadono G1, o Visões da Vida]. As apresentações desse evento, o II EWCLiPo, estão disponíveis no blog http://genereporter.blogspot.com [alguns podcasts de palestras. As apresentações serão disponibilizadas na página EWCLiPo do Portal, dentro de algumas semanas]

Prêmio e Festival

Este ano, o LDCC instituiu o prêmio ABC para blogs científicos, com destaque de blogs em seis categorias. A premiação ocorreu durante o II EWCLiPo. Segundo os organizadores, o prêmio é de crítica e não de público e a votação foi feita pelos pares. Os resultados da premiação podem ser conferidos no portal ABC http://dfm.ffclrp.usp.br/ldc/index.php/anel-de-blogs-cientificos. E as inovações não param por ai. Para o próximo ano, o grupo organiza o I Festival de Música Popular Científica, com o lema “Uma letra além da MPB”.

Eu agradeço muito à jornalista Rose por toda a atenção e destaque que ela nos deu no USP Ribeirão (uma reportagem de página inteira!), mas infelizmente teremos que pedir uma errata: é que nessa reportagem tem uma foto enorme de mim e da Mônica Campiteli, dizendo que Mônica é coordenadora do ABC. Na verdade, a foto foi feita para outra reportagem, que ainda não foi publicada, sobre o Prêmio Capes-Thomson de melhor artigo em cientometria, do qual Mônica é co-autora, prêmio no qual doei R$ 300 para ajudar o Pablo Batista a comprar um terno para ir para Brasília receber o mesmo... Como essa foto foi parar nesse reportagem eu ainda não entendi...

PS #portosemrede no Twitter: Pablo, por que você simplesmente não alugou um terno? Esses R$ 300 me ajudariam a pagar a escola (atrasada) da Juliana!

O erro não seria grave senão pelo fato de que, se fosse para sair alguma foto, ela deveria ser junto com o Gustavo Miranda Forte (Zedy), que é o webmaster do Portal ABC e, se tudo der certo, futuro mestrando com projeto no LDCC. Acho que uma errata com uma foto do Zedy cairia bem... O USP Ribeirão tem seção de "Erramos" ?

Nenhum comentário: