Ocorreu um erro neste gadget

sexta-feira, março 23, 2007

Promessas de Prometeu


Para quem não conhece, o jornalista e sociólogo Marcelo Leite é o blogueiro científico mais antigo do Brasil (Ciência em Dia). O talvez o Daniel Doro Ferrante, do It´s equal but it´s different, sempre esqueço estas questões de precedência...

Diz Marcelo Leite, em seu post do dia 20/03:
Meu novo livro, Promessas do Genoma (Editora da Unesp, 243 páginas, R$ 30,00), será lançado na terça-feira (27/3) com um debate no auditório da Folha, às 20h. Depois detalho aqui como obter uma vaga para assistir ao conclave, que contará com a participação do filósofo da ciência Hugh Lacey e com os geneticistas Mayana Zatz (USP, pró-reitora de Pesquisa) e Gonçalo Guimarães Amarante Pereira (Unicamp).

Em lugar de mais uma das pílulas antideterministas do Dr. Leite, que tanta polêmica já causaram aqui, o livro pretende ser uma quimioterapia inteira contra os tumores hiperbólicos aderidos ao Projeto Genoma Humano. Primeiramente pelos próprios biólogos moleculares, depois alegremente secundados pela maior parte de nós, jornalistas de ciência.

Boa parte dos leitores deste blog vai odiar Promessas do Genoma. Como hoje em dia há quem acredite que os sentimentos possam espicaçar a razão, não perco a esperança de que o livro contribua com alguma substância ao debate. Se um biólogo molecular se dispuser a ler Lenny Moss, Lily Kay, Susan Oyama, Dick Lewontin, Michel Morange, Horace Freeland Judson, Sahotra Sarkar, Herminio Martins, Laymert Garcia dos Santos, Hugh Lacey, Paul Rabinow ou Evelyn Fox Keller (qualquer um deles) depois de encará-lo, terá valido a pena.

Ainda que ninguém trafegue pela via que separa as duas culturas (humanidades e ciências naturais), além dos cachorros loucos, a estrada é de duas mãos.

P.S.: Se você estiver encafifado com a bela imagem da capa do livro, saiba que se trata da obra DNA, de Nuno Ramos (Areia, resina, CO2; 2003), fotografada por Eduardo Knapp (Folha Press).

Nenhum comentário: