Ocorreu um erro neste gadget

domingo, janeiro 14, 2007

Nostalgia de Planeta

Todas as pessoas que são "da década", como diz a Mariana, ou seja, que eram adolescentes nos anos setenta, foram mais ou menos influenciadas pelo clima Revista Planeta pós-68, onde o ativismo político dava lugar ao passivismo contracultural. Mas tenho boas lembranças dos tempos em que meu amigo Sinézio hipnotizava seu primo para que este fizesse uma viajem astral a fim de localizar a base de UFOs que, tinhamos certeza, estava situada na Serra do Roncador. De nossas experiências com as cartas de Rhine (meu primeiro contato com cálculos de variança, distribuição do qui-quadrado e testes de significância, aos 13 anos de idade). Do fanzine Novos Horizontes e do UFO-boletim, que escreviamos numa pequena máquina de escrever Remington (lembra?), imprimiamos em mimeográfo de rolos (lembra??) com tinta púrpura (lembra???) para os membros do CEFA (Centro de Estudos de Fenômenos Aéreos) Regional Sudeste - sim, fomos nós, ele com 13 e eu com 12 anos, que propomos ao CEFA da Bahia, composto por estudantes universitários, que se organizasse em todas as regiões do Brasil. E acho que eles e os outros membros do CEFA (por exemplo, um prefeito de Três Lagoas, MG) nunca desconfiaram que eramos apenas dois pirralhos disfarçados...

Sim, nostalgia. Colecionavamos a Revista Planeta, faziamos observações astronômicas e vigílias ufológicas, juntos com outros colegas, realizávamos experimentos com pirâmides (foi nessas experiências que aprendi como os grupos de controle são importantes!). Traçavamos nossos biorritmos, aprendendo a usar séries temporais senoidais e discutindo o efeito de auto-sugestão que nossos gráficos de biorritmos produziam em nós mesmos...
Saudades da primeira fase da Planeta, editada por Ignácio de Loyola Brandão, e que, ainda no espírito de Louis Powells e Jacques Bergier do Despertar dos Mágicos (lembra?) propunha um Realismo Mágico que não era necessariamente anti-científico.

Mas tudo mudou nos anos posteriores, conforme a equipe editorial era trocada, a Planeta trafegando por fases mais espiritualistas, ou mais New Age, ou mais de um esoterismo quase-nazista, ou mais um simples Espiritismo Kardecista.

No post anterior eu disse que a Planeta agora era, basicamente, uma revista de eco-turismo. Talvez seja melhor eu documentar isso, portanto vai um resumo da última edição, pego neste site, com as reportagens eco-turísticas assinaladas em verde.

Chegou a newsletter revista PLANETA
A revista que desvenda os segredos do universo agora oferece o serviço de newsletter. Sempre que uma edição chegar às bancas, um e-mail com os destaques da nova edição será enviado para você, leitor. Para cadastrar-se neste serviço, basta clicar aqui. Bom proveito!

CAPA
Inevitável mundo novo
O fim da privacidade
Acorde! Você está sendo vigiado
Leia mais


CLUBE DE VIAJOLOGIA
Cuzco, umbigo do mundoHaroldo Castro visita Cuzco, no Peru, a antiga capital di império inca.
Leia mais

REPORTAGENS DO MÊS

ENTREVISTA - FUNDAMENTALISMO
Quando o apego a Deus se transformou em ódio
Mário Sérgio Cortela, PhD em educação, explica o que é o fundamentalismo. Diferente do que muitos pensam, esse movimento tem origem nas igrejas cristãs norte-americanas...


ILHAS LOFOTEN
No reino do bacalhau
No remoto arquipélago de Lofoten, situado dentro do Círculo Polar Ártico, no norte da Noruega, a vida gira em torno da pesca do bacalhau.

CONSERVAÇÃO INTERNACIONAL / PLANETA
Em busca dos répteis do cerrado
O desmatamento descontrolado ameaça uma das biodiversidades mais ricas do planeta: o Cerrado do Brasil central.

UNESCO / PLANETA
Cemitério onde a vida continua
Existe um cemitério, em Paris, que é também parque florestal e museu a céu aberto: o Père Lachaise

CUBA PÓS-FIDEL
Futuro incerto para a ilha das contradições
A recente doença de Fidel Castro traz à baila o possível fim do regime cubano. O que será de Cuba após a morte de Fidel?

SUSTENTABILIDADE
Revolução na economia - Parar de crescer já!
Em São Paulo, o ativista Ross Jackson explica por que as metas de crescimento precisam ser urgentemente revistas.

PSICOLOGIA - CEM ANOS DE PSICANÁLISE
Um século depois, Freud continua vivo!
As idéias de Sigmund Freud continuam criando pol~emica. sinasl de que o criador da psicanálise permanece mais vivo do que nunca.

REPORTAGEM
Festival mundial da paz celebra uma vida melhor
De 1º a 6 de setembro, Florianópolis se transformou na capital mundial da paz.

ALMA BRASILEIRA - PERCÍLIO DOS FALCÕES
O sertanejo que conversa com os pássaros
No parque dos falcões, em Sergipe, José Percílio Costa possui um pequeno exército de aliados incondicionais: os pássaros. O segredo da amizade: carinho e muita conversa.


Já a Planeta eletrônica parece ser comandada pelo antigo time esotérico-espiritualista (ou será que isto tem a ver com o público de Internet?). Olhem só o que obtive no "jogo de dados mágicos" (um programa de computador de Inteligência Artificial acoplado a um gerador de números pseudoaleatórios?) com a minha pergunta: Qual será o nível de sucesso de meu novo livro?

Inovações, transformações e possível mudança são benéficas. Siga em frente com convicção e com uma proposta diferente que chame a atenção.


Bom, neste caso, deixa eu parar de postar aqui e ir escrever logo o meu livro...!

Nenhum comentário: